ANC reúne “de urgência” para debater saída de Zuma

ANC reúne “de urgência” para debater saída de Zuma

0
COMPARTILHE

O portal de notícias News24 explica que ainda não se confirmou a agenda desta reunião e a sua relação com as negociações entre o presidente do ANC e vice-presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, e o próprio Zuma para forçar a saída deste último sem agravar as divisões do partido.

Esta mesma informação assegurava que as negociações com Zuma giram em torno de assuntos “de cosmética” como o pagamento da sua defesa legal nos casos de corrupção que enfrenta e a sua segurança pessoal e da sua família.

O único órgão do ANC com capacidade para forçar a saída do chefe de Estado é o comité executivo nacional, que se reúne na segunda-feira, já que as regras internas da formação estabelecem que todos os membros do partido, incluindo os cargos eleitos, devem submeter-se à vontade desta.

Contudo, se Zuma se negasse a deixar o cargo, a única via possível seria uma moção de censura parlamentar.

Depois de ter ultrapassado sete moções anteriormente, o Presidente, que continua a ser alvo de acusações de corrupção, vai enfrentar – senão se demitir antes – no próximo dia 22 uma nova moção de censura parlamentar, pedida por um partido da oposição.

Após deixar a presidência da formação no último congresso, realizado em dezembro, a favor de Ramaphosa – que não era o seu candidato preferido – a pressão para que o chefe de Estado abandone o poder aumentou, especialmente nas últimas semanas.

O atual líder do partido vai intervir hoje num encontro que servirá para lançar oficialmente os atos do centenário do nascimento do ex-Presidente sul-africano Nelson Mandela.

Source: Noticias ao Minuto

DEIXE UMA RESPOSTA