COMPARTILHE

Moçambique vai limitar os bancos e câmaras de câmbio a um spread máximo de 2 por cento em todas as negociações de moeda, disse o banco central na terça-feira, quando publicou novos regulamentos.

Cada banco ou divisão de câmbio também só pode praticar uma única venda e uma única taxa de compra para cada moeda, embora essas taxas possam mudar durante o dia, informou a agência de notícias estatal. Diferentes taxas de câmbio comprometeram a credibilidade das taxas de câmbio praticadas no mercado cambial, disse o banco central.

Sob uma lei de 2005, as instituições eram livres para definir sua propagação e negociados forex com taxas diferentes, mas o banco central disse não cumprir as novas regras será punível.

DEIXE UMA RESPOSTA